O programa de relacionamento da Qualicorp com você, corretor.

Benefícios de praticar exercícios ao ar livre

18/06/2019

A prática regular de exercícios físicos traz diversos benefícios para a saúde física e mental. Boa parte das cidades brasileiras possuem espaços públicos para pessoas das mais variadas idades poderem realizar vários tipos de exercícios ao ar livre. Continue a leitura e saiba como usar estes espaços a favor da sua saúde de forma segura.

 

Onde posso praticar exercícios ao ar livre?

 

Em parques e praças de muitas cidades brasileiras, além de pistas para caminhada, corrida e ciclismo, é possível encontrar estações com aparelhos próprios para alongamento e fortalecimento muscular. Em muitos lugares, há também equipamentos voltados para as pessoas na terceira idade.

 

Na orla de cidades litorâneas, principalmente nas capitais, além de espaço para caminhar, correr e andar de bicicleta, por exemplo, também há estações com aparelhos para alongamento e fortalecimento muscular para uso livre. Mesmo naquelas onde não há mobiliário urbano voltado para isso, é possível caminhar e correr na areia e praticar alguns esportes.

 

Quadras poliesportivas também podem ser encontradas em muitos parques praças e até em praias. As opções de esportes são variadas, como futebol, basquete, tênis e vôlei. Em muitos desses espaços, basta formar uma turma e ir para jogar. Em outros, é necessário agendar com antecedência junto à administração do espaço.

 

Mas as opções de exercícios físicos ao ar livre não param por aí. Tanto em áreas verdes quanto em algumas praias de algumas cidades, é comum haver aulas abertas de diversas modalidades. Por exemplo ioga, tai chi chuan, alongamento e ginástica. Consulte em órgãos oficiais da sua cidade quais os espaços públicos onde é possível fazer exercícios ao ar livre.

 

Benefícios dos exercícios físicos

 

  • Previne doenças – como osteoporose, problemas cardiovasculares, hipertensão, diabetes e perda de memória ligada à velhice, entre outras;
  • Melhora a condição física – dos músculos, ossos e tendões
  • Coadjuvante de tratamentos – contribui para a eficácia de tratamentos para doenças como depressão, ansiedade e estresse.

 

É importante ter em mente que esses benefícios são percebidos em médio e longo prazo por quem pratica exercícios físicos regularmente. Exercitar-se ocasionalmente, como os chamados “atletas de final de semana” e sem orientação profissional pode ser prejudicial à saúde.

 

Cuidados ao praticar exercícios ao ar livre

 

  • Mantenha-se hidratado – é importante repor o líquido perdido ao suar durante o exercício físico, principalmente em dias mais quentes. Se você corre ou pedala longas distâncias por muito tempo, tome isotônicos para repor os sais minerais eliminados ou uma água de côco.

 

  • Proteja-se do sol – não saia de casa sem protetor solar e use boné para se proteger. Reaplique a cada duas horas ou depois de praticar exercícios físicos e suar muito. Os melhores horários para se expor ao sol são antes das 10h ou depois das 16h;

 

  • Respeite seu corpo – a qualquer sinal de mal-estar, dor, náusea ou tontura, pare imediatamente o treino e procure um local fresco e arejado;

 

  • Fique atento à umidade do ar – mesmo que a temperatura esteja amena, quando a umidade do ar está baixa, a capacidade do corpo de manter sua temperatura é prejudicada. Evite treinar pesado nessas condições.

 

Antes de começar a praticar qualquer tipo de exercício físico, procure um médico. É importante avaliar as condições de sua saúde para saber se há algum tipo de impedimento e quais os tipos de exercícios ao ar livre que são mais adequados para você.